AMAIAurélio

Paulatinamente, o Aurélio e o grupo da AMAI tem vindo a conseguir que os movimentos independentes tenham voz. Desta vez tiveram lugar de destaque na TSF com uma entrevista feita onde, em pleno dia da espiga. Na base esta uma recomendação da Provedoria de Justiça que aponta no sentido de que passe a ser dado um tratamento igual aos partidos e aos movimentos de cidadãos independentes. A recomendação vem no sentido de outras que já foram dadas no sentido de ser criado um regime semelhante quer em termos de isenção de IVA quer em todas as demais benesses que os partidos têm, na perspectiva de ser criada uma “igualdade de oportunidades” entre todos. O Aurélio tem vindo assim a subir degraus, sendo certo que ainda está muito longe de conseguir que os políticos, os que fazem as leis, concedam iguais prerrogativas aos cidadãos independentes. É certo que as conquistas fazem-se gradualmente e é possível que daqui a algum tempo se consiga ver mais do que hoje se vê. O tempo o dirá.


Seguir
( 2 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

4 Comentários

  1. Apoio. Se há cidadãos que são excluídos dos partidos ou neles não há possibilidade de entrar, que haja a possibilidade de participar na vida política de outra forma, independente!

  2. O Aurélio tem feito um excelente trabalho na AMAI e na sua função de vereador.
    Obviamente que alguns se sentem incomodados e estão sempre a lançar farpas no sentido de o desvalorizar.

  3. Valha-nos a Provedora da Justiça porque para os 250 deputados os movimentos de cidadãos devem continuar a ser descriminados, parabéns Aurélio pelo excelente trabalho.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário