CMMGPS

Os 100 dias depois da tomada de possa já passaram e não foi ainda dado a conhecer quais foram as medidas que estão a ser tomadas para a reestruturação dos serviços. Não é de estranhar que assim seja já que ninguém estava à espera que a ideia da reestruturação dos serviços fosse algo que a Cidália conseguisse levar avante. Apesar do serviços ter sido contratado a uma entidade externa, não se sabe nada. Claro que, quando sair o relatório do estudo que está a ser efectuado, ainda que a Cidália queira implementar alguma das propostas que poderá la vir espelhada, acreditamos que não será fácil de conseguir concretizar o que quer que seja. Por um lado, porque não a vemos ter carisma para poder conseguir convencer aqueles que estão cristalizados nos métodos e procedimentos a mudar a sua forma de agir, por outro porque continua a ter forças externas que continuam a tentar manter os tentáculos dentro da câmara. Passados mais de 100 dias ainda há chamadas telefónicas para chefes de divisão vindos do ex-presidente a dar ordens e a por em causa tudo e mais alguma coisa. Também a ex-chefe de gabinete não desarmou, fazendo agora aquilo que antes não fazia, aos ‘beijinhos’ junto daqueles que antes ostracizou. Mas na política é assim, o que ontem foi, amanhã pode já não ser! Evidência disso é o facto de, agora na eleições para a Federação do PS os dois apoiarem o Sales quando antes acusavam-o de ele, em Lisboa, dizer que tinham sido eles quem empurrado o ex.presidente Álvaro da câmara para fora. Não tendo conseguido influenciar a concelhia com o candidato que apoiara, tentam manter-se próximo do poder de qualquer modo, mesmo que seja a fazer chamadas ou ‘visitas ao domicilio’ como que às escondidas!


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

1 Comentário

  1. De acordo com definição no dicionário na língua local “Ser chefe de divisão na cmmg” quer dizer “ser bajulador sem escrúpulos que deve rebaixar o outro colega chefe para manter o tacho a todo o custo”. O estudo não terá bases de sustentação pelo material recolhido. Todos sabem, ninguém acusa. Porque será? Talvez porque todos sabem que vai dar barraca e queiram assistir a mais um espetáculo imperdível!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário