Candidato a ‘Rei’

CuriosoNelson, PS17 Comentários


Independentemente dos interesses que possam estar por trás da candidatura do Nelson ao lugar de ‘Rei’ da concelhia, sobre os quais já ontem escrevemos, a sua candidatura surge com alguma surpresa fundamentalmente pela exposição a que irá ficar sujeito. É conhecido por ter o coração perto da boca e isso é algo com que muitos militantes do partido não lidam bem, daí que vá ser interessante ver-se até que ponto conseguirá chegar ao lugar para o qual é candidato desde ontem. Será uma prova de fogo para si que, em certa medida, se os resultados não forem os que espera poderá por em causa o seu lugar ao lado da Cidália. A candidatura não pode deixar de ser lida como uma forma de mostrar ruptura com aqueles que antes estavam na câmara e apoiam o Bruno, em especial a Tereza e o Vicente, mas também de assegurar a continuidade do que foi o mandato da Cidália à frente da concelhia. Não sendo uma pessoa consensual, não deixa de ser uma candidatura arriscada não só para si como também para o partido. Os anticorpos que trás consigo pela forma como tem abordado alguns temas poderão levar a que muitos façam o que não contavam fazer e votem no outro candidato na perspectiva do voto útil. Quem hoje deverá estar arrependido do apoio que deu à candidata do partido às autárquicas é o Bruno que, de um momento para o outro, se vê sem o seu apoio. Coisas da política que vêm mostrar o que até hoje não pensámos ver: a tentativa de ascensão política do Nelson.


Seguir
( 2 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

17 Comentário em “Candidato a ‘Rei’”

  1. Avatar

    Independentemente dos candidatos em causa para já apresentados, o importante é ver a democracia interna a funcionar. Pena que no partido que partilha com o PS grande parte do eleitorado Marinhense, não se vejam actos eleitorais e quem manda é nomeado.
    Não sou socialista, por isso não tenho direito a voto. No entanto no Bruno nunca votaria, pois quem cospe no prato que lhe deu de comer não mereceria o meu voto.
    Quanto ao Nelson e aos defeitos apontados, não me parece que ter o “coração ao pé da boca” seja assim tão mau. Pena no entanto que os maus políticos tenham vindo a afastar os mais capazes de uma actividade tão nobre que é servir os seus semelhantes, sem procurarem servir-se dos mesmos.

  2. Avatar

    Vai ser importante interessante saber quais os objectivos do Nelson e como é que vai conseguir gerir a presidência com a função de chefe de gabinete, se ganhar. Começou-se a ouvir falar dele com o apoio que deu ao +C, depois foi convidado para uma conferência do PS sobre turismo e mudou-se para lá. Mas Já o lemos muitas vezes com opiniões contrárias e mesmo de crítica do presidente Paulo de quem era assessor. Não lhe é muito fácil ficar calado e saber gerir a sua função de chefe. Vamos ver, se ganhar, claro

  3. Avatar

    Muito surpreendente esta insistência na existência de 2 facções no PS local. Mais ainda quando está por se perceber a súbita ascensão política e social do Nelson. Em todo o caso, é importante que comecemos a ser mais claros..
    Como e de onde aparece o Nelson no PS?
    Quem suporta e sustenta ideologicamente a Cidália e o seu executivo?
    O que faz o JP Pedrosa ir tomar café todos os dias à Câmara, depois do almoço?
    E qual o papel do Curto nisto tudo?
    Está na hora do PS se assumir e dizer o que quer.
    Se continuar a ser governado de fora para dentro, como no tempo de outros que já partiram ou se, de uma vez por todas, pretende ir ao encontro dos anseios e dos problemas dos marinhenses.
    Opacidade vs Transparência, é disto que estamos a falar!

  4. Avatar

    Digam ao padre que enviar SMS’s aos militantes do PS, em horário de expediente.. Não parece nada bem… Depois do missal de ontem no facebook.. O PS ainda vai virar IURD…

    1. Avatar

      E se fosse só isso que fizesse em horário de expediente….
      Mais se saberá das suas outras atividades…
      A Cidália pôs o lobo na capoeira e agora quer pô-lo no partido.

  5. Avatar

    O Nelson é a marioneta de quem manda. A sua candidatura, a mando do Pedrosa, é uma tentativa para calar as vozes que nem sempre concordam com a ação do partido na Câmara ou Nacional. Como é possível que ainda há pouco mais de um mês era adjunto do Vicente e apelidava a Vice-Presidente de incompetente, há três anos grande defensor do Seguro e acérrimo opositor do Costa e agora dê esta cambalhota? Ainda veremos escritos dele a elogiar o Aurélio e a Alexandra… disso não duvido.
    A coerência e transparência no PS tem um preço bastante elevado. e neste aspecto o Nelson está em época de saldos.

  6. Vilas

    O quer dizer que a Marinha Grande vai ser comandada pelos (americanos da MATTEL), PS através dos seus representantes BARBIE e KEN!

    Quase que pagava para ver…! Devia (vai?) ser lindo!

    1. Avatar

      Camarada, o Bruno trabalha desde os 18 anos, nunca teve nenhum emprego ou tacho politico, tem mulher e 3 filhos, sempre pagou impostos e vive do seu ordenado.. Nunca recebeu ajudas de custo do erario publico, nem beneficiou de cunhas ou favores para se sustentar ou a sua familia.. Ao longo de mais de 25 anos como gestor comercial, calcorreou o pais de les a les e, como milhares de portugueses, foi obrigado a emigrar para Angola durante alguns anos onde percorreu milhares de kms a trabalhar.. Nao queira ir por ai com o Bruno, porque nao tem por onde pegar.. Informe-se primeiro e discorra os seus dislates depois..

  7. Avatar

    Dra Tereza Lapin, agora cospe no prato que deu a comer ao Dr. Nelson? Tão ressabiada porque foi preterida, vira-se para mais um moço afoito e à deriva, em busca de novo poleiro daqui a 4 anos… A história repete-se: Álvaro Pereira II

  8. Avatar

    O que se aqui escreveu acerca da vida do Bruno pode replicar-se ao contrário para o Nelson…Isto é, tachos e mais tachos desde que a empresa de turismo religioso faliu. Até viagens a Espanha e aos Açores todos nós pagamos ao Nelson. E chegou a falar-se da bem da vinda de uma comitiva de padres passear á nossa custa organizado pelo Nelson a troco de qualquer coisa que gostava de ver explicada. Não há coincidências. Tinha uma empresa de turismo religioso e aí vêm padres em turismo ao nosso concelho pela mão do Nelson. Gostava até que alguém confirmasse se os padres (acho que italianos) vieram ou não. E quanto é que isso custou ao município. Portanto, é isto que vai suceder com o Nelson que não tem eira nem beira nem modo de vida. O tacho político é o seu modo de vida.

    1. Avatar

      e os funcionários da câmara que manda trabalhar para a campanha e as ofertas que já prometem em troca do voto

  9. Avatar

    A vida dele davam filme de terror para muitos dos que se cruzaram com ele.
    Como se diz agora, tem cá uma pegada ….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address