Falha de memória!

Categoria CMMG, PSD by Curioso10 Comentários


Quando caminhamos para mais velhos, começamos a notar que a memória já não é a que era, que as faculdades que tínhamos não são as mesmas e começamos a confundir o que antes não era confundível. Coisas da idade pelas quais todos passamos. Quando vemos um candidato a autarca, ainda novo, dar os sinais que apenas a idade costuma trazer, ficamos preocupados. No primeiro artigo que escreve desde que assumiu a qualidade de candidato, o Galo parece evidenciar lapsos de memória que não são desculpáveis e surge com ideias que levam a que se ponha em causa muita coisa. Diz ele que quer “abrir o Centro de Saúde da Marinha Grande e a Extensão de Saúde da Vieira de Leiria com as consultas da especialidade de família até às 22 horas”. Boa ideia não fosse o facto de não ser isso competência do órgão ao qual se candidata. Falha de memória! Quer repetir o que o Vicente assumiu como sendo o único projecto que iria concretizar, o asfaltar a terra. Das duas uma: ou não tem estado a par do que se passa na política ou irá querer por alcatrão em cima de alcatrão! Falha de memória! Quer “criar um parque de estacionamento TIR na zona industrial com serviço de refeições e banhos para os motoristas” esquecendo-se que isso é já algo que faz parte dos planos do actual executivo. Quer “criar um novo e moderno terminal da Rodoviária – Tejo”, mas esqueceu-se que há muito que não há “Rodoviária – Tejo” porque há muito que a empresa mudou de nome! Falha de memória! E quer “criar uma coutada fechada na mata nacional – pinhal do rei, destinada a abrigar os animais abandonadas e a proteger os transeuntes que circulem e caminhem pelas ciclovias”, ideia que deve ter ido buscar ao Trump e ao muro que quer fazer com o México, esquecendo que a mata nacional não é da área de competência da câmara. Falha de memória! Uma outra evidência de que poderá haver ali alguma confusão com a idade, é o facto de, tal como as pessoas de mais idade fazem, e com alguma legitimidade quando falam com os mais novos, tratar todos por tu! Não nos lembramos de, enquanto eleitores, termos alguma vez sido tratados por tu ou mesmo de termos dado confiança a algum candidato para o fazer, mas claro há sempre uma primeira vez. Por fim, conviria que o candidato desse uma leitura às actas das reuniões de câmara porque terminar um texto com uma frase do JFK soa a déjà vu ou será apenas falha de memória? Ficamos assim na dúvida se o “novo rumo” que querem traçar não soa a algo já velho.

As referências que fazemos a pessoas de mais idade não tem como objectivo menosprezar quem tem já viveu muito, já que com idade vem associada a sabedoria, mas somente assinalar as diferenças entre o que já sentimos, quando éramos novos, e o que agora temos, em especial no que diz respeito à memória.


Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

Comentários

  1. Avatar

    Sempre a bater no PSD este curioso…assuntos mal resolvido com alguém de lá , de certeza absoluta!
    Quem quer que esteja lá , faz-lhe sempre uma urticária esquisita que não de vê fazer nos outros partidos ou movimentos.
    Deve ser dos funcionários públicos das 35 horas que ganham mais de 1500€ /mes a quem o PSD cortou os salários para pagar a falencia socialista e o defice de 11% que o PSD herdou

    1. Curioso Author

      Caro anónimo. Não se trata de bater no PSD. Trata-se de reflectirmos aqui o que está a acontecer. Pode achar mau o que está a ler, mas estará o que escrevemos longe da realidade?

  2. Avatar

    Fartei-me de rir com as “novas” propostas e aquela da coutada nas matas é o máximo!!!!! Imperdoável !!! Santa ignorância!!!!

  3. Avatar

    Tenho muita pena que a ignorância reina por aí,
    Fiquem em saber que o Pinhal de Leiria não é todo público, ou melhor, da estrada que liga Marinha Grande a São Pedro de Moel, há muito pinhal que também é privado que pertence às famílias mais antigas da Marinha Grande.
    Santa ignorância.

    1. Curioso Author

      Caro Rambo. Criar-se-ia então uma “coutada” nos pinhais dos outros? A ideia seria ‘nacionalizar’ pinhais privados para a “coutada”?

  4. Avatar

    Já ouvis – te em falar em arrendamento, ou empréstimo,
    Não sabes o que os PSD- Marinha já falou com os proprietários ou sabes?

    1. Curioso Author

      Caro anónimo. Não tínhamos conhecimento. Ainda bem se for como o caro anónimo refere. Resta saber como e por quem serão alimentados, quem pagará a comida ou veterinários, quem suporta os encargos com a manutenção dos pinhais, construção de vedações em zona de mata nacional (ainda que sejam pinhais privados, não se pode fazer tudo o que se quer), qual o parecer o ICNF e, acima de tudo, como vão ser colocados lá os cães.

  5. Avatar

    Preocupem – se é irem alimentar os cães abandonados, que a APAMG, aplaude!!

    1. Curioso Author

      Caro anónimo. Ora aí está uma ‘excelente’ ideia. Dar alimento para que mais cães se possam juntar e assim se crie uma grande matilha.

  6. Carlos Romeira

    Mesmo que existam problemáticas ou territórios que não pertençam à jurisdição do poder autárquico, este tem a RESPONSABILIDADE de pressionar, questionar, fazer lobbing político ou mobilizar recursos, para que os interesses da população sejam garantidos.

    Acho uma piada imensa aos autarcas, ou aspirantes a autarcas, que desculpam a sua incapacidade, inépcia ou falta de criatividade, com o argumento da jurisdição… O povo não quer que lhes indiquem os obstáculos. O povo quer que lhes apresentem as soluções.

Deixe um comentário

  
Please enter an e-mail address