O segredo

CuriosoCMMG, Mercado3 Comentários


centro_mercadoDurante algum tempo a câmara tentou manter em segredo o facto de andar a negociar com o banco a compra das antigas instalações da Mortensen (como se fosse possível manter segredos). Naturalmente que é difícil discordar da intenção de colocar todo aquele património, que faz parte da nossa história, nas mãos do município. Apesar de não ser segredo essa intenção, não tem sido dado a conhecer qual o estado das negociações. Cremos mesmo que, tendo em conta a pouca habilidade que por aqueles lados existe, não será fácil conseguirem chegar a um entendimento. O tempo o dirá, apesar de, para já, os munícipes continuarem às escuras quanto ao que se passa. Mas, admitindo nós que até será possível chegarem a um entendimento, há depois a questão de se saber o que fazer com todo aquele espaço. Sabe-se que a intenção que existia até certo momento era a de aproveitar aquele espaço, ou parte dele, para servir de apoio ao mercado que seria construído ali perto. E é aqui que se volta ao mesmo e quase eterno assunto: o mercado. Ainda sem que tenha havido qualquer discussão sobre este assunto – e acreditamos que ela não seja alguma vez iniciada – partindo-se do principio que é possível a compra daquele espaço, deverá aquele património histórico ser usado para servir de apoio a um futuro mercado? Podemos estar errados – e esperamos que sim – mas parece-nos que aquele espaço, caso seja comprado, será mais um elefante branco que nascerá na terra tendo em conta a fraca capacidade que tem sido demonstrada pela câmara para dar boa utilização a tudo o que tem sob a sua alçada.


Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

3 Comentário em “O segredo”

  1. Avatar

    Também não serão estes palhaços a fazer alguma coisa num prazo de ano… se é que o Paulinho não acusar esgotamento e se juntar ao Alvarito no banco dos pseudo politicos inválidos, certo?!

  2. Avatar

    Oh pá, não falem em mercado, que daqui a pouco aparece aí outra vez o Constancio a dizer que tem e tem e tem de ser utilizado o do Atrium.

  3. Avatar

    Se aquele espaço é para um novo mercado considero, como munícipe que paga impostos, um esbanjamento de dinheiro.
    Não tenho nada que ver com o Atrium, não fui visto nem achado nas decisões que tornaram aquele espaço uma realidade, está lá. Esbanjar dinheiro público é crime que deve ser punido
    No que ao Atrium diz respeito, estou de acordo com a ideia do sr.Armando Constâncio: porque não fazer a experiência de o utilizar para ver como é que vai funcionar? Certamente não será pior do que as tendas.
    O que me custa é verificar que há quem esteja contra o Atrium apenas porque sim, sem nunca fundamentar o porquê de estar contra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address