Estranho! (II)

CuriosoBombeiros8 Comentários


Há uns dias escrevemos sobre o que tínhamos assistido quando necessitámos de uma ajuda dos bombeiros. Apesar da explicação que foi dada, fomos tentar saber mais sobre o que se passava. O que nos tinha sido contado não era exactamente o que tinha resultado da explicação. Fomos junto de outros membros da corporação tentar saber o que realmente se passava. O que nos foi transmitido correspondeu ao que ante nos tinha sido contado, desta vez com mais detalhes. Com muito receio de que pudesse haver represálias e sempre a coberto de muito pedido de sigilo – ao que pudemos saber, o clima que por ali se vive é tudo menos um de abertura – lá nos foi sendo contado que há bombeiros que, tendo conhecimento directo deste assunto, se calam perante esta e outras situações para não terem “problemas” e que o assunto raramente chega a quem manda. Pelo que nos foi contado, as gratificações que os utentes mais tarde vão entregar para o bombeiro A ou B (e não para a corporação) nunca chegam ao destino. São dadas indicações para que seja colocado na “caixa” e que, mais tarde, quando, ao A ou ao B, o utente diz que foi lá deixar a tal gratificação, ela não aparece. O ambiente que se vive na corporação é tudo menos saudável, apesar de haver alguma preocupação de que assuntos que dizem respeito aos bombeiros não venham para fora. Uma coisa foi assegurada, o descontentamento está instalado desde há muito e ficámos com a sensação de que muita coisa poderia ser resolvida se, quem manda, tivesse um contacto mais próximo, e talvez em privado, com os que andam no terreno e sentem este e outros problemas de perto. Claro que enquanto o medo dos “problemas” que poderão ter se falarem prevalecer, nada mudará!

Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

8 Comentário em “Estranho! (II)”

  1. Avatar

    Depois de ver estas duas notícias e como bombeiro que sou o que se passa ? esta ultima talvez seja mais esclarecedora até parecia que na primeira notícia que o dinheiro não entrava na corporação será que haja bombeiros e público com essa dúvida ? senhor presidente e senhor comandante esclareçam os bombeiros e o publico para que não haja dúvidas que isso é muito mau para a corporação que merece todo o respeito e bem estar entre os bombeiros e publico.

  2. Avatar

    Tera a nobre coorporação dos Bombeiros da nossa terra a ser gerida como o BES? Ou quem sabe como o governo gastando mal os euros do contribuinte? Gestão danosa?…

  3. Avatar

    Caro comentador das 23:12, como bombeiro que é tem dúvidas sobre o destino do dinheiro ??? Pelo seu comentário a pedir esclarecimentos generalizados, até parece que tem dúvidas em vez de reforçar afirmando aquilo que sabe perfeitamente de certeza. Enquanto bombeiro alguma gorjeta para si lhe foi retirada?? As suas certezas valeriam mais como comentário do que pedir para haver um esclarecimento generalizado. Os esclarecimentos ao público são o menos importante pois a notícia não vale nada e de verdade não terá nada. Apenas alguém cobarde que decidiu anonimamente maldizer, e o “dono” deste blog dá cobertura a estes disparates, ou até os inventa ele. Duvido que dentro dos bombeiros haja duvidas sobre questões monetárias, agora existem é pessoas cobardes e mal formadas que por razões que só elas sabem tecem comentários e inventão situações apenas porque sim. Mas isso há-os em todos os lugares, e para eles apenas o desprezo e o ignorá-los serve para poder-mos conviver no meio deles.
    Um blog bem aproveitado e útil serviria para colocar todas as notícias boas e más doesse a quem doesse mas fundamentadas. Assim apenas será levada em conta por pessoas feitas da mesma “massa” que o(s) queixoso(s) e o administrador desta “coisa”.

  4. Avatar

    Caro anónimo (das 15:19). Não inventamos nada, muito menos num assunto delicado como este. O que escrevemos foi confirmado em mais do que um interessado pelo que não temos motivo para por em causa a informação.
    Quanto ao que escrevemos nesta “coisa”, é opção nossa. Como já antes referimos, as coisas bem feitas não são merecedoras de critica nem nos parece que necessitem de ser por nós faladas porque quem as faz se encarrega disso. As más, aquelas que os que as fazem preferem que não se fale, são as que merecem ser destacadas para que possam ser melhoradas.
    Quanto ao ser um blog bem ou mal aproveitado, poderá sempre escrever o que achar que deve ser dito e assim contribuir para que possa ser melhor aproveitado.

  5. Avatar

    Tudo tão bem explicadinho na parte 1 desta maldicência, quem manda até deu a cara e explicou para todos perceberem. Certamente que se houvessem situações com dinheiros não entregues a quem deviam, essas pessoas que deram as gratificações ao saberem que não tinham chegado ao destinatário que elas pretendiam, tinham ido lá reclamar e pedir satisfações. Chega de tretas e não inventem, percebe-se bem que é uma invenção de alguém ou uma publicação para criar impacto. Eu se tivesse dado uma gratificação para uma determinada pessoa ao saber que não chegou a ela tinha ido tirar isso a limpo. Até foi bem explicado que as gratificações pessoais são dadas ás próprias pessoas em mão, se for para todos vai para uso de todos. Santa paciência, com tanta coisa para publicar.

  6. Avatar

    Caro anónimo (das 18:30). Se não mantivessemos sempre a confidencialidade do que nos é dito, mostrar-lhe-iamos tudo o que já recebemos, confirmando e acentuando tudo o que escrevemos. Não o faremos por respeito pelos que pediram que fosse mantida a informação sem revelação das fontes.
    Se faz parte da corporação, deverá ser um dos que nos foi indicado que reagiria assim. Se não é, sugerimos se informe melhor.
    Há, por toda a informação que já recebemos, um sentimento de medo de represálias mesmo da parte dos que, sabendo que há lembranças deixadas ao seu cuidado mas que depois não aparecem, nada dizem. Do mesmo modo como temos informação de alguns comportamentos que levam a que uns sejam vistos de um modo e outros, os que não fazem certas coisas, vistos de um modo diferente!
    Uma coisa é certa, há problemas.

  7. Avatar

    Que ha problemas ha. E bem mais graves que estes. Problemas que poe em causa a segurança de pessoas e bens. Mas como as represálias são grandes e que incluem ate ameaças físicas não se podem dizer. Mas alguem fora da casa aprofunde só um bocadinho alguns assuntos e vêem que e preciso urgentemente mudar o rumo desta casa. Enquanto as cabeças não rolarem só se vai afundar mais esta casa….

  8. Avatar

    Nos entretantos um dia destes ainda aparece um iluminado a dizer que se devia fazer uma auditoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address