Centro

Já lá vão muitos anos desde que o que tínhamos no centro tradicional era igual ao que se vê na imagem. Não que possamos dizer ser saudosistas mas temos saudades daquele tempo. Ao longo dos anos, aqueles que foram passando pela câmara foram alterando o centro tradicional ao ponto de o transformarem no deserto que neste momento existe. Claro que agora nada se pode fazer para alterar o que foi feito. Os resultados eleitorais já “julgaram” aqueles que tomaram as decisões de fazer as mudanças radicais com que hoje temos de viver. Quando se sabe que o Vítor acha que a Casa da Cultura e a Resinagem não deviam existir, não podemos voltar a pensar no que foram as decisões que foram tomadas e que transformaram, no último mandato, o centro para o que hoje lá se vê. Não temos dúvidas que daqui a uns anos os que aqui viverem vão olhar para as imagens do velhinho Stephens ou para a Resinagem sem o cubo e vão “julgar” aqueles que decidiram fazer o que ali está e pensar o que hoje pensamos dos que mudaram radicalmente o que era o centro tradicional. Mas a política é isto mesmo, algo que permite que uns poucos convençam muitos a dar-lhes carta branca para decidirem e o resultado é o que se vê: asneira. Não deixa de ser curioso que aqueles que antes mudaram o centro tradicional são os que hoje criticam as obras ali feitas sendo certo que daqui a uns anos o mesmo deverá acontecer quando mais algum iluminado quiser entrar na política para deixar a sua marca na terra. Uma coisa é certa, temos saudades de como a terra era.

Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

3 comentários

  1. Eles não têm uma visão para a nossa terra nem sabem o que fazer, tal como não tiveram capacidade de antecipar o que sucederia com as decisões que tomaram em esvaziar o centro de determinados serviços públicos.
    Gastaram rios de dinheiro de todos nós para coisas que na eram prioridade. Deixaram degradar o mercado da Resinagem porque não fizeram obras anuais de manutenção, como qualquer pessoa ou empresa organizada faz. Deixaram ficar em situação deplorável até em termos de higiéne.

    São uns tristes e andam ao sabor dos seus interesses pessoais, infelizmente até ligados a questões de sobrevivência económica.

  2. Resumindo: os lugares políticos (todos) estão e estiveram ocupados por incompetentes, ponto final, porquê? porque o povo é ingénuo, ponto.

  3. Caro Macaco,

    O Centro nunca voltará a ser o que era. O mundo mudou e numa terra altamente industrializada, em que tudo roda em torno das empresas, onde as pessoas consomem em Leiria (cultura, comercio, etc). Acha que o centro pode vir a ser o que era? Claro que não, com as novas vias de comunicação, não existe espaço na Marinha Grande para um centro como o de Leiria ou Lisboa, esqueçam isso, não sejam saudosos. Não sejam velhos do Restelo. O Centro precisa de uma dinâmica nova, esqueçam as lojas, temos de humanizar o centro, ponto final.

    O Provedor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário