Eleições

Em qualquer terra minimamente desenvolvida, o centro é sempre o local mais nobre. É nesses locais nobres que estão os estabelecimentos mais caros e é lá que todos se querem instalar. Por cá as coisas funcionam ao contrário. O centro está morto e ninguém no seu perfeito juízo pensa em fazer algum investimento lá. Agora com as campanhas a darem o sinal de partida, estamos curiosos para ver quem serão os que vão correr o risco de colocar as suas sedes de campanha no centro. Já se sabe onde o Aurélio deverá ir ficar com o seu centro de comando mas é ainda uma incógnita o que os demais irão fazer. Espera-se que o Álvaro, que nada fez durante o seu mandato para devolver ao centro da terra a dignidade que já teve e merece, instale lá a sua sede de campanha e possa mostrar que há quem acredite que há ali alguma esperança de vida. Não acreditamos que possa fazer o que alguns já disseram estar previsto e que vá ocupar algum espaço na Resinagem, depois de ser inaugurada, já que isso não seria mais do que estar a dar a imagem que também ele considera que o centro está sem vida e sem que mereça atenção. Cremos assim que a sua sede de campanha fique ali no centro já que espaços vagos não faltam! Do local onde os partidos e movimentos decidirem instalar as suas sedes de campanha se poderá ver muito do que eles próprios pensam da terra e do que por ela poderão estar dispostos a fazer.

Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

17 comentários

  1. O Alvaro fez, está a fazer e vai fazer aquilo que muitos sonharam em fazer. Todos aqueles que fazem alguma coisa nesta terra, são alvos a abater porque os que nada fizeram não vão entrar para a história da Marinha Grande. O Alvaro criou muitos anti-corpios pelo fato de ser formado em farmácia e não em economia, engenheiro, professor ou então formado em industrial. Quando se devia apoiá-lo temos uma serie de iluminados a deitar abaixo. Isto porquê ? è só inveja a começar pelo pasquim da nossa terra porque também sonha vir a ser presidente de câmara mas não vai ter essa consulação.

    • Que ideia mais sem sentido. Que tem o fato de ser farmacêutico a ver com o criar anti corpos?
      Que foi que ele fez pelo centro? Dois edifícios que ainda não sabe o que lá colocar? Estacionamentos que desertificaram o centro?
      Gostava de saber que coisas fez e está a fazer.

    • Este anónimo da 1:00h fez-me rir. O Álvaro não reuniu “anti-corpios” por ser formado em farmácia. AHAHAHAH! Essa está boa!
      O Alvarinho reúne pouca simpatia porque, durante o mandato, não fez um chavelho e o que fez, foi mal feito.

      Poupai-nos a tremenda cegueira e pouca vontade de perceber.

    • Só não percebi qual o sitio da sede.
      A propósito do Álvaro era bom que ele e a sua patroa fossem capaz de fazer uma auto análise e verificassem porque é que é só na Marinha Grande que estão a surgir 2 movimentos independentes.
      Ele e os restantes vereadores não fizeram o trabalho que deles se esperava. E os partidos voltam a insistir nos mesmos!
      Eu sou dos que estou na expectativa relativamente ao MpM pelo conjunto de pessoas a ele ligado. Não me agradam todas, mas as principais figuras são pessoas que me merecem todo o respeito e que se têm dado ao respeito, com a sua postura muito serena e construtiva que os que os conhecem sabem que têm adoptado nos sítios onde têm passado.
      Estou a aguardar para saber quais os candidatos que vão apresentar.
      Agora que se cuidem, vão ser alvo das piores calúnias e mentiras. Basta ver algumas coisas que aqui se tem escrito.
      Decerto que não vão responder como o Logrado.

  2. O Curioso, está sempre em cima de tudo, mas então não se lembra das localizações das últimas sedes de campanha? ou será que o edifício da Pensão Julião e a Casa Maior não fazem parte dos Centros Históricos das respectivas Freguesias.

    • Caro anónimo. Recordamos sim e recordamos como era antes de estarem como estão. O exemplo da Pensão Julião, bem em frente da câmara, é o exemplo do estado de degradação e desertificação a que o centro chegou. Excelente exemplo!

  3. O Dr. Álvaro fez muito pela Marinha Grande. Muito de coisa nenhuma e muito erro. É de longe o pior Presidente da Cãmara dos ultimos 30 anos.

  4. Já se começa a ver que a campanha do MpM está a ser bem financiada por alguns poderosos desta terra.
    Mais do mesmo.
    Registo lamentável para a postura desse Movimento na véspera do 25 de Abril na Praça – um belo cozinhado, com “ingredientes” do PS e do Cavaco, uma pitada de CDS á mistura e para sobremesa umas “frutas” frescas da Amieira, servido em plena festa do adversário eleitoral.
    Só faltou mesmo – os foguetes por acasião da Inauguração da Sede de Campanha ali mesmo – na sala ao lado.

  5. Que grande confusão vai na cabeça deste anonimo.
    Como conseguiu ver os poderosos desta terra?
    Qual foi a festa do adversário eleitoral? Será que o 25 de Abril tem dono?
    A que inauguração se refere ?

  6. Jorge Martins, Jorge Santos, Aurélio Ferreira, Amadeu…, etc…

    Não devia de ter mas na Marinha há donos para tudo.

    A identificação do espaço que vão ocupar bem perto da sede do Municipio com 3 grandes cartazes (dois deles já com fotos de candidatos).

  7. Não concordo que escreva que as pessoas que estão na Camara são donas da Marinha. Quando os comunistas lá estiveram é que isso era verdade.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário