EmpecilhosEspanha

Enquanto em Espanha as ruas se enchem de manifestantes que protestam contra o que consideram ser uma violação dos seus direitos, por cá as manifestações organizam-se com várias filas de manifestantes espaçadas entre si por vários metros para dar a ideia, quem vê ao longe, que se trata de uma multidão e que a avenida está cheia. É uma das formas de tentar mascarar o que somos e tentar mostrar que até somos unidos e que lutamos pelo que queremos. Enquanto por cá estamos com fogo, aqui ao lado estão a ferro-e-fogo, a mostrar que quem manda ainda é quem vota. Esta pequena diferença permite distinguir uns e os outros: os que lutam pelo que querem e os que dizem que o fazem mas, quando as contas são feitas ou é preciso agir, está-se melhor na praia! Desde há muitos anos que afirmamos que não nos importávamos de pertencer a uma província de Espanha e hoje, quando as televisões mostram a realidade lá e a comparamos com a de cá, ficamos com a nítida sensação de que nunca iremos passar da cepa torta. E isso não se deve apenas ao facto de termos políticos corruptos e incompetentes; de termos Ministros fantoches e deputados ignorantes; de termos autarcas incompetentes. Deve-se essencialmente ao facto de termos o país povoado de Portugueses!


Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário