E tempos fomos severamente criticados por uns auto-intitulados líderes num grupo que gira no Facebook. A prepotência dos administradores desse grupo e de alguns que por lá passam tem mostrado o que de pior existe na terra. Agora assistimos a mais umas trocas de palavras que aqui deixamos. Já antes aqui deixámos os links para os textos que vieram posteriormente a ser apagados. Isto leva-nos a pensar no que somos e valemos nesta terra às portas de Leiria e como poderemos, com gente assim, ter aspiração de ser alguma coisa mais do que o que agora somos. Existe um conjunto de prepotentes e que se julgam donos da verdade que não permitem que ideias novas vinguem aqui. A terra é composta por gente boa mas há uns tantos que teimam em ser mais do que deveriam, quer seja na política quer seja na vida civil. Assim, a terra não “prospera” nem na vida civil nem nas redes sociais com ideias de alguns “Joãos Jardins” a tentarem ser mais do que podem ser.

Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

4 comentários

  1. Muito sinceramente não consigo descortinar as diferenças entre este blogue e esse grupito do facebook. Aliás, é muito engraçado que o/a Sr(a) Macaco não consiga esconder algum “incómodo” em relação a essa personagem cómica que lidera o tal grupito. Parece que é o único que o(a) tira do sério. Talvez tenha a ver com questões de concorrência.

  2. @Anónimo Caro anónimo. Concorrência? Não existe qualquer concorrência. Nós usamos uma plataforma que fomos adaptando enquanto no Facebook tal não é possível. A única razão que nos leva a ter alguma atenção ao que possa ali passar-se tem apenas a ver com o que nos parece ser a intenção ali expressa de lançar alguém para a vida política. Somente isso. Se alguém usa terceiros para se tentar lançar noutros voos que, ainda por cima, poderão afectar a nossa vida, claro que temos atenção. E é verdade quando diz que nos tira do sério. Algumas das coisas escritas são mesmo para rir!

  3. @Anónimo Caro anónimo. Apenas mais uma achega. Fomos dar uma espreitadela e se verificar aqui os comentários da personagem que refere onde é mostrada a prepotência foram já eliminados! Imagine agora o que seria isto num qualquer cargo politico!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário