ÁlvaroCMMGVieira

O arroz de marisco, já aqui o dissemos, é uma das maravilhas. Desde sempre nos lembramos dele existir e de a Praia da Vieira ser referenciada em todo o lado pela sua existência. Os que têm conseguido manter vivo aquele prato estão, sem dúvida, de parabéns. Não temos conhecimento como foi promovida a candidatura mas sabemos que a câmara teve um papel importante na divulgação e, seguramente, nas muitas chamadas telefónicas que foram feitas. Mas sendo o prato da Praia da Vieira, porque não se vê ninguém de lá com o troféu? Apesar de o município ser representado pelo presidente da câmara, não haverá algum aproveitamento político ao colocar o Álvaro como protagonista? Não ficaria mais genuíno ter um qualquer vieirense a segurar o troféu do que ter alguém que até acreditamos não faça a mínima ideia como se confecciona o prato? É que visto assim até parece que este executivo teve alguma coisa a ver com a qualidade do prato. A politica tem destas coisas. Quando alguma coisa aparece bem feita há sempre quem queira colher os frutos. Neste caso, Sr. Presidente, o que é bem feito é o prato de arroz e quem o confecciona e não quem possa ter apoiado a candidatura. 


Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

10 comentários

  1. Não é da Vieira, mas nós VIEIRENSES, não nos importamos com quem tem o troféu nas mãos, não ligamos a essas minúdências, para nós o importante, é que a nossa Terra ganhou o troféu e, quer Vocês MARINHENSES e nós VIEIRENSES deveríamos estar de mãos dadas orgulhosos a festejar com toda a alegria, porque o NOSSO CONCELHO foi falado por todo o País.

    Com este post até, parece que ficaram infelizes, porque ganhamos alguma coisa, a inveja é tão grande que nem conseguem disfarçar.

  2. O concelho também foi falado quando aconteceu o apagão há duas semanas e há uns anos quando houve cargas policiais e não vi ninguém dizer que estávamos de parabéns ou solidarizar-se connosco.

  3. O Álvaro da Vieira?! É que nem a pronúncia tão pouco!
    Felizmente o troféu veio para”perto”… espera- se que traga consigo gente com vontade de comer o ,agora, famoso arroz…e com dinheiro também! É que por mais delicioso que o prato seja, por maior que seja o prestígio de quem o confecciona não é propriamente um prato acessível a qualquer carteira!

  4. Só fosse da Vieira estaria mais longe o que seria óptimo.A arrogância, oportunismo e sede do poder irão ter as suas consequências nas próximas eleições.

  5. Ao anónimo 6

    No concelho da Marinha Grande quem manda é o povo e o povo vota sempre bem porque escolhe os melhores.
    Ainda é cedo para entrar em desespero. Dois anos ainda é metade do mandato.

  6. Ao anónimo 5

    “arrogancia, oportunismo e sede do poder”. Está a falar do presidente do municipio da Marinha Grande eleito pela esmagadora maioria dos residentes no concelhio.
    De certeza que é um daqueles que fez a cama ao Barros Duarte.
    Acha mesmo que a maioria dos marinhenses no momento de votar concordam consigo?
    Cá estaremos para ver em 2013. Mas os municipes não gostam de quem provoca e enxovalha um presidente de camara independentemente das cores partidárias.
    Pode-se trocar ideias sem entrar em provocação e essa é a 1ª regra da democracia que o senhor pelos vistos não respeita. O que vale é que a maioria das pessoas do seu partido são verdadeiros democratas e até sofreram na pele a falta de tolerancia do antigo regime.
    O senhor é tudo menos um democrata.

  7. Sinceramente por causa deste tipo de comentários(comentário 6) é que durante muitos anos fomos associados a uma imagem de terra intolerante.
    O Alvarinha até tem os seus defeitos,oralidade fraquinha, imaturidade politica e até alguma ingenuidade que é clara para quem o conhece dos tempos de escola. Agora chamar oportunista e arrogante só pode ser feito por quem não o conhece.
    O Alvarinho é mecenas de várias entidades do concelho e é acima de tudo honesto e verdadeiro. O anónimo está a denegrir a imagem do Presidente de forma leviana e encoberta.
    Se quer provocar tire a mascara e mostre-se para se saber qual a verdadeira intensão de caluniar o homem que sempre sonhou ser presidente da autarquia.

  8. Não se chateiem, não dêem ouvidos. Os VIEIRENSES, sempre, têm seguido em frente, com mais ou menos dificuldades, mas lá vão andando, de uma coisa podem estar certos, não se deixam manipular e, isto incomoda alguns de vós, esperem até 2013, pela sua resposta.

    Vieirense

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário