Espaço rico… de pobreza

Categoria CMMG, S. Pedro, Vieira by Curioso14 Comentários


Vem na edição do jornal cá da terra um texto que não nos passou despercebido. Lê-se na ultima página “Numa altura em que tanto se debate a necessidade de recuperar o centro histórico da Marinha Grande, onde muitos imóveis se encontram degradados, olhámos para a realidade em São Pedro de Moel, onde o cenário começa a ser idêntico“. Não tínhamos ainda notado isso, até porque lá andamos sempre pelos mesmos sítios. Mas ao pensarmos nisso, apercebemos-nos que ao longo dos últimos mandatos as atenções têm sido viradas para a Vieira e menos para S. Pedro. S. Pedro tem ficado estagnada no tempo com o que tem sido as diferentes formas de bloqueio de tudo e mais alguma coisa. Veja-se o estado das arribas. Dos passadiços. Do espaço intransitável. Do não se poder construir. Do não se poder expandir. Do não se poder fazer nada senão ir lá ao fim de semana comprar umas pipocas e pouco mais. S. Pedro tornou-se num local elitista, com as fragilidades próprias dos que apenas aparentam ter. Fica bem ter casa em S. Pedro mas o abandono a que está votado aquele local leva a que possa questionar-se a razão de se ter permitido que local tão belo tenha ficado assim e questionar se as medidas que têm vindo a ser tomadas em relação àquele espaço têm sido as mais ajustadas. Pensamos que S. Pedro merecia mais e melhor.

Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

Comentários

  1. Avatar

    S. Pedro de Moel merecia mais atenção dos políticos. É uma vergonha o que se está a passar. Casas degradadas e ninguém faz nada. O presidente deveria actuar, obrigando os proprietários a fazer obras. Quer-me parecer que também em S. Pedro de Muel anda muita gente “à rasca”.

  2. Avatar

    Esta autarquia se tivesse visão promovia S. Pedro, pois é uma das mais belas praias do país. Reconhecidamente.

  3. Avatar

    Tenho sido crítico do jornal cá da terra. Mas tenho que o felicitar por ter abordado este assunto.

  4. Avatar

    Caro administrador deste blogue, o “jornal cá da terra” tem nome: Jornal da Marinha Grande. O respeito é bonito e fica bem, sobretudo a um causídico.

  5. Avatar

    Caro anonimo(ou talvez não) das 11:39: saberá por certo que para ser respeitado há que respeitar e dar se ao respeito. O Jornal da Marinha supõe se que seja a voz dos Marinhenses e o relato do que se passa cá na terra. Resulta do trabalho de uns e das vontades e conveniencias de outros. Ora o caro anonimo não pode pensar se orador de púlpito inviolável quando o ego não lhe permite ter a humildade em proporção. Foram já feitos vários reparos em relação ao jornal,este ultimo foi até positivo para quê essa atitude?

  6. Avatar

    Mas que ofendido que o To-ze está. O post até diz bem do jornal. Quer é polémica. Vamos ver: a terra onde estamos é Marinha Grande. O jornal cá da terra será o quê? Jornal de… Digam lá comigo… Marinha Grande.
    Há coisas que sobem à cabeça as pessoas e não é só o alcool.

  7. Avatar

    Uns nascem com berço, educação, carácter, outros, por muito que façam, nunca passarão do que sempre foram.

  8. Avatar

    bom dia.
    É por esta discussão estéril, sobre o Jornal da Marinha Grande e afins, que o Concelho da Marinha Grande está como está.
    Preocupam-se com as casas degradadas e muito bem, dá muito mau aspecto a uma
    praia tão bela mas, o lixo que se encontra por todo lado, também dá um péssimo aspecto, gostaria de ver um posts e no Nosso Jornal a indignação pelo tratamento que Nós Munícipes damos ás belas paisagens que temos, é uma vergonha.
    Eu sei que não fica bem por o dedo na ferida, mas já é altura de chamarem os bois pelos seus nomes. Somos uma cambada de porcos.

  9. Avatar

    Tem razão. Mas já viu que para se autopromover há quem prefira lançar umas farpas para assim pelo menos ser falado. Que importa os problemas da marinha? No jornal nada sai sobre iso.

  10. Avatar

    Naturalmente que se o Mentor deste blog, for a pessoa que por aqui foi anunciada e não o desmentiu, saliva pelo fim do jornal da Marinha Grande, para se apoderar dele através de uma farsa, como fez com este blog.
    Só falta saber qual o nome que lhe vai pôr, talvez “Jornal da Grande Marinha” ou “Semanário da Marinha Grande”
    O oportunismo anda por aí à espreita tal como as aves de rapina espreitam os moribundos, para assim que caíam, lhes lançarem as garras.

  11. Avatar

    Deixo aqui um convite ao ou aos administradores do blog: coloquem um post com o titulo “dor de corno” e depois vão enchendo com os comentários dos que aqui comentam cheios dela.

  12. Avatar

    Ao anónimo das 13:17
    Boa ideia! Tão boa que o seu comentário devia ser o primeiro a ser publicado nesse post.

  13. Avatar

    Boa tarde,

    É como digo, enquanto nos andarmos a entreter a mandar recados uns aos outros e a dar palpites, que não nos levam a lado nenhum, o nosso Concelho não progride. Não seria melhor, TODOS, darmos as mãos e de olhos nos olhos, “sem pedras no sapato”, contribuirmos para o seu progresso e bem estar?

Deixe um comentário

  
Please enter an e-mail address