Parque das Bernardas

CuriosoBernardas, Governo, PS1 Comentário


Surge hoje com destaque de primeira página a inauguração do Parque das Bernardas. Inauguração que, segundo vem noticiado, terá a presença da Ministra do Ambiente. É, desde logo, uma notícia que tem interesse por ser a conclusão de mais uma obra de “Santa Engrácia”, envolta num conturbado processo. É bom ver que algumas obras se concluem. O que não se percebe é a razão de ter a presença da Ministra. Confessamos que desconhecíamos sequer que existia já que até agora tem andado desaparecida. Mas a presença de um membro do Governo justifica-se, na nossa perspectiva, quando alguma coisa de relevante foi feito pelo executivo para que essa obra tivesse lugar. No caso, vai ter que ser a câmara a arcar com os custos da conclusão fora do prazo. Vamos ter que ser todos a pagar por mais essa obra. E a Ministra ou o Governo que fizeram que justifique a sua presença? Entendemos que sendo a câmara do PS possa haver a tentação de dar uma mãozinha ao Governo trazendo aqui quem ninguém conhece mas, para que não seja mais uma inauguração de apenas para cortar fita, seria mais lógico que se trouxesse à inauguração quem efectivamente contribuiu para a conclusão. Com mais um parque a ser inaugurado, breve nos tornaremos na cidade dos parques já que há muito deixámos de ser a cidade do vidro e dos moldes. Uma vantagem existe: quando alguém se queixar que tem fome porque já não há comércio local ou indústria, haverá sempre o argumento de “vai até ao parque que isso passa!”.

Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

Um comentário em $2$s

  1. Avatar

    A Senhora já não é desconhecida dos Marinhenses, andou recentemente por cá a apanhar o lixo da mata, lembram-se? Esta visita só poderá ser menos inútil se trouxer algo de novo para nos dizer. Algo que não cheire a promessa vazia.
    Bom seria, e nada difícil, a sua vinda coincidir com mais uma descarga daquela associação de malfeitores dos porqueiros. Aí, talvez o Sr. Presidente e o Vice aproveitassem para ir ver e mostrar à Senhora Ministra. Sendo coincidentes na simpatia ou na militância partidária, poderiam dizer-lhe que se fosse solidária na indignação, e fizesse algo contra esse crime, por ser justo e devido, aí sim, ficaria memorável no Concelho. Isso é que era serviço, digo eu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address